Sobre nós

Moradores do Jardim Lapenna e um colegiado formado por instituições locais, ao lado da Fundação Tide Setubal e da FGV São Paulo, estão construindo o primeiro Plano de Bairro Participativo da Várzea do Rio Tietê, que será lançado no dia 10 de junho.

As propostas serão criadas a partir de oficinas com a comunidade e com o colegiado local, para posteriormente serem apresentadas à prefeitura, que pode editar um decreto que reconheça o Plano de Bairro Participativo da Várzea do Tietê como uma ferramenta para o plano diretor da cidade de São Paulo, uma iniciativa inédita na capital.

Formam o colegiado
● CCA – Centro da Criança e do Adolescente;
● PAVS – Programa Ambientes Verdes e Saudáveis;
● Sociedade Amigos do Jardim Lapenna;
● Fundação Getúlio Vargas;
● Fundação Tide Setubal;
● Creche Lapenna Mutirão;
● Creche Lapenna 1 – Juruoca;
● Conselho Gestor da UBS;
● UBS – Jd Lapenna;
● SOS Lapenna

O Plano de Bairro Participativo pode propor microdecisões urbanísticas para as áreas de iluminação, segurança, pavimentação, ciclovia, pontos de ônibus, micro drenagem, dentre outros pontos de infraestrutura.

Anúncios

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: